Concurso Nacional de Acesso 2018 — 2ª Fase

No campus Alameda, as inscrições decorrerão no seguinte horário:
  • 27 setembro: entre as 13h30 e as 16h30;
  • 28 setembro: entre as 9h30 e as 16h30;
  • 1 outubro: entre as 9h30 e as 16h30;
Local:
  • Novos alunos (1ª vez no Técnico): Pavilhão do Jardim Norte nos dias 27 e 28 de setembro ou na Secretaria da Área de Graduação (Pav. Central) no dia 1 de outubro.
  • Alunos recolocados tendo já sido estudantes do Técnico: Secretaria da Área de Graduação.

Documentos Necessários para a Matrícula e Inscrição

  • Documento de identificação

    Os portadores do Cartão de Cidadão deverão ter presentes os pin’s (códigos de 4 dígitos) de autenticação e de morada, fornecidos com o Cartão, o que permitirá simplificar e acelerar o processo de inscrição. Os portadores de outros documentos de identificação deverão trazer o Cartão de Contribuinte Fiscal.

  • Boletim de Saúde

    Boletim Individual de Saúde original com vacina antitetânica válida.

Outras Informações Importantes

  1. Encarregados de educação

    Para efeitos de matrícula e inscrição, os alunos com idade inferior a 18 anos não necessitam de se fazer acompanhar pelos seus encarregados de educação.

  2. Representação por terceiros

    A matrícula e inscrição deverá ser feita pelo próprio aluno, mesmo tendo idade inferior a 18 anos. Caso não possam estar presentes, poderão ser representados por terceiros mediante a apresentação de uma procuração e de documento de identificação.

    Excetuam-se os encarregados de educação de alunos com idade inferior a 18 anos, no dia da matrícula, que poderão completar todo o processo sem a sua presença.

  3. Turmas e Horários

    Todos os alunos colocados através do Concurso Nacional de Acesso são colocados automática e aleatoriamente nas turmas/turnos dos respetivos cursos, no 1º semestre. Não são aceites pedidos de escolha ou alteração de turmas/turnos. A informação do horário será dada no ato da matrícula e inscrição;

  4. Propina, seguro escolar e taxa de secretaria

    Nos 10 dias úteis seguintes à data da matrícula e inscrição, os novos alunos deverão efetuar o pagamento do seguro escolar anual (1,43€), da taxa de secretaria (25€) e da propina anual (1063,47€). Se desejarem, poderão optar pelo pagamento faseado em 7x da propina (segundo a Lei 68/2017, de 09 de Agosto), devendo liquidar a primeira prestação da propina (no valor de 163,47€) dentro deste prazo; as restantes prestações deverão ser liquidadas de acordo com as seguintes datas:

    Prestações Valor Prazo
    Prestação 1 €163,47

    Novos Alunos: até 10 dias a partir da data da Matrícula

    Restantes Alunos: 08/11/2018

    Prestação 2 150 08/12/2018
    Prestação 3 150 08/01/2019
    Prestação 4 150 08/02/2019
    Prestação 5 150 08/03/2019
    Prestação 6 150 08/04/2019
    Prestação 7 150 08/05/2019

    No ato da matrícula e inscrição serão fornecidas as referências bancárias para pagamento, que também poderão ser consultados posteriormente na página pessoal de cada aluno no sistema FénixEdu (intranet).

  5. Candidatos a Bolsas de Estudo

    No caso dos estudantes que tenham requerido bolsa de estudo de Ação Social, nos termos da lei em vigor, o pagamento das propinas só terá lugar depois de ter sido proferida a decisão final sobre a candidatura à bolsa, sendo, então, concedido um prazo suplementar de 15 dias úteis para regularização da situação.

    O Técnico está empenhado em garantir que nenhum estudante seja excluído por razões financeiras. Para tal, o Técnico criou um programa de bolsas que são atribuídas a estudantes provenientes de famílias com baixos rendimentos e que não são contemplados com uma bolsa dos serviços de ação social da Universidade de Lisboa.

    Descobre os programas de bolsas
  6. Residências de Estudantes do Técnico

    As candidaturas à Residência Eng. Duarte Pacheco (Parque das Nações, para alunos da Alameda) e à Residência Professor Ramôa Ribeiro (no campus Taguspark) deverão ser submetidas, exclusivamente, no ato de matrícula e inscrição.

    Todas as informações sobre as condições de alojamento, candidatura e os resultados da seriação dos candidatos podem ser consultadas na página do Núcleo de Alojamentos.

  7. Cartão do Técnico

    O cartão do Técnico é emitido pelo Banco Santander, sendo opcional a abertura de conta bancária.

  8. Cartão da ULisboa

    O Cartão da Universidade de Lisboa é emitido pelo Banco Caixa Geral de Depósitos e permite o acesso à Cantina dos Serviços de Ação Social , sendo opcional a abertura de conta bancária.

  9. Associação dos Estudantes

    Os alunos que pretendem tornar-se sócios da Associação dos Estudantes do Instituto Superior Técnico (AEIST) deverão efetuar o pagamento da quota, que inclui o “Kit Caloiro”. O Cartão da AEIST é emitido pelo Banco BPI, sendo opcional a abertura de conta bancária.

  10. Início do ano letivo

    As aulas começarão no dia 17 de setembro (segunda-feira), para todos os alunos do Técnico.

  11. Código de Conduta

    A Universidade de Lisboa (que integra o Técnico) elaborou os documentos onde se definem os Direitos e Garantias e o Código de Conduta e de Boas Práticas da comunidade académica da Universidade e das suas Unidades Orgânicas.

    É dever do estudante “Conhecer e cumprir as normas que regulam as suas atividades enquanto membros da comunidade académica”.

    Consulta os documentos Direitos e GarantiasCódigo de Conduta e de Boas Práticas e o Regulamento Disciplinar da ULisboa antes de assinares o Compromisso de Honra no ato da inscrição.

Documentos Importantes

Na página do Técnico estão disponíveis os documentos importantes, que devem ser lidos por todos os estudantes:

Programas e Apoios aos Estudantes

  1. Apoio ao Estudante

    O Núcleo de Apoio ao Estudante (NAPE)tem como missão promover a integração dos alunos no Técnico, apoiando todo o tipo de iniciativas que contribuam para um envolvimento efetivo da comunidade académica, bem como divulgar a Escola junto dos meios estudantis, em especial ao nível do ensino secundário.

    As principais atividades do NAPE podem ser englobadas em duas áreas específicas de atuação:

    • Acolhimento, Integração e Acompanhamento

      Acolhimento, Integração e Acompanhamento, em particular dos novos alunos do 1º ano, alunos estrangeiros, entre outros alunos ingressados pela primeira vez no Técnico, através da implementação do Programa de Mentorado.

      O NAPE tem uma participação ativa no processo de matrículas e inscrições dos novos alunos do 1º ano, prestando-lhes todo o apoio e acompanhamento necessário aos seus primeiros passos no Técnico. Este atendimento personalizado é realizado pelos Guias do NAPE, estudantes de diferentes cursos e de anos mais avançados.

    • Divulgação/Ingresso

      Divulgação/Ingresso, através da organização de visitas de estudo ao Técnico e de deslocações a estabelecimentos de ensino secundário, orientadas para candidatos ao ensino superior, bem como da participação em feiras e mostras de Ciência e Tecnologia.

      Todas as atividades podem ser consultadas na página do NAPE.

    Contacto:nape@tecnico.ulisboa.pt

    Localização: Receção Pavilhão Central

    Horário de atendimento: 09h00 às 17h00

  2. Programa de Mentorado

    Sendo um projeto pioneiro do Instituto Superior Técnico, implementado pela primeira vez em 1996, o Programa de Mentorado gerido pelo NAPE proporciona aos alunos do mesmo curso uma maior aproximação entre si, não só dentro do mesmo ano, mas com anos mais avançados, contribuindo para uma melhor integração. Este projeto decorre anualmente, de forma a assegurar a adaptação ao ritmo e nível de trabalho exigidos no Técnico.

    • Funcionamento:

      O Programa Mentorado é implementado com o apoio de alunos de anos mais avançados (Mentores) que, em regime de voluntariado, com as suas experiências e vivências académicas, acompanham novos alunos (Mentorandos), com vista a facilitar a sua integração e adaptação. Os Mentorandos poderão ser alunos do 1.º ano ou alunos de mobilidade internacional, sendo obrigatória a escolha de uma destas vertentes.

    • Acolhimento:

      Durante a Semana de Acolhimento, os mentores devem estar presentes para receber os novos alunos. No campus Alameda, a atribuição de mentores é feita no dia de cada curso no momento da atribuição da senha para a inscrição. No campus Taguspark as inscrições são feitas durante uma semana e os mentores são atribuídos no primeiro dia, quando chegam as listagens com as colocações.

    • Acompanhamento:

      Durante o ano letivo, é exigido um acompanhamento regular. Pontualmente, ao longo do ano decorrem pequenos inquéritos e três tipos de eventos: ações de formação (soft-skills, gratuito), teambuilding (eventos de cariz sociocultural, promoção de convívio e networking entre mentores) e sharing sessions (sessões de partilha entre mentores e análise de situações particulares).

    • Inscrições:

      Para o campus da Alameda as inscrições para o Programa Mentorado decorrem durante o mês de agosto. A inscrição só é válida se o Mentor participar ativamente na Semana de Acolhimento. De notar que a inscrição ou a aceitação por parte dos Mentores deve ser consciente, dado que a reformulação do programa o tornou mais exigente. Em contrapartida, haverá um maior investimento nos mentores.

    Para mais informações, pode contactar-nos pelo e-mail nape@tecnico.ulisboa.pt.

  3. Necessidades Educativas Especiais

    O Instituto Superior Técnico dá apoio aos estudantes que em algum momento do percurso académico apresentem necessidades educativas especiais, como deficiência, problemas de saúde e/ou dificuldades de aprendizagem específicas.

    O Técnico disponibiliza condições de frequência e avaliação adaptadas aos estudantes abrangidos pelo Regulamento do Apoio ao Estudante com Necessidades Educativas Especiais (Despacho 4208/2011, de 4 de março).

    O Estatuto de Estudante com Necessidades Educativas Especiais deve ser requerido no início do ano letivo, exceto no caso de situações temporárias, em que só pode ser apresentado aquando da ocorrência. Por exemplo, no caso de fratura do braço que impossibilite a realização de provas escritas autonomamente, poderá ser proporcionado acompanhamento por um Guia do Núcleo de Apoio ao Estudante durante as avaliações, de comum acordo com docentes das respetivas unidades curriculares.

    Sabe mais sobre os recursos que tens ao teu dispor e como podes requerer o acesso aos mesmos!

    Responsável - Diretora da Área Académica: Cristina David

    Contactos da Área de Graduação
    Débora Pinto
    debora.pinto@tecnico.ulisboa.pt
    218 417 498
    Website

    Contactos do Núcleo de Apoio ao Estudante
    Carolina Ferreira
    carolinaferreira@tecnico.ulisboa.pt
    218 419 021
    Website

    Para mais informações, pode contactar-nos pelo e-mail: nda@tecnico.ulisboa.pt

    Ligações úteis

  4. Programa de Tutorado

    O Programa de Tutorado existe no Técnico desde o ano letivo 2003/04, tendo sido pioneiro em Portugal no desenvolvimento e implementação de atividades de tutoria adaptadas à realidade do Ensino Superior português.

    No Técnico, o tutor é um docente que acompanha, de forma personalizada, um grupo de estudantes dos 1.º e 2.º anos dos cursos de licenciatura e mestrado integrado, procurando que esses estudantes possam desenvolver no máximo potencial o seu património intelectual, emocional e interpessoal, cumprindo os objetivos de excelência no ensino a que a escola se propõe.

    Todos os estudantes do Técnico podem ter um tutor.

    Mais informações

    Em 2011 foi lançado o livro “Programa de Monitorização e Tutorado: Oito Anos a Promover a Integração e o Sucesso Académico do IST”, que apresenta, descreve e quantifica o trabalho desenvolvido ao longo dos primeiros oito anos de existência do programa.

    A qualidade do trabalho desenvolvido pelo Programa de Tutorado foi distinguida em 2013, pelo European Observatory On Good Practices In Strategic University Management, como uma boa prática no contexto universitário europeu.

    Para mais informações, pode contactar-nos pelo e-mail: nda@tecnico.ulisboa.pt

  5. Serviços de Ação Social da ULisboa

    No respeito do quadro político definido pelo Governo, a Ação Social no Ensino Superior desenvolve-se no âmbito das respetivas instituições de ensino, estruturada através de um modelo de intervenção direcionado para atender aos desafios que o contexto socioeconómico coloca ao estudante.

    Na página dos SASULisboa podes encontrar informação sobre:

    • Bolsas
    • Alimentação
    • Alojamento

BeTécnico

O BeTécnico é uma iniciativa do Instituto Superior Técnico, em parceria com a FNAC, com o objetivo de promover a integração, o envolvimento e a participação ativa dos novos alunos na vida académica. Ao participares nestas atividades habilitas-te ainda a ganhar vários prémios, colecionando os Selos do Técnico no teu Passaporte.

Saber mais